Farol (17.09.17)

Miro o alvo e sigo,
pois sei que mesmo
em alto mar esta luz
persigo, no fim hei de
encontrar-te.

Não sei ao certo quanto
tempo tenho que ainda
navegar, sei que devo
manter nesta luz fito o
meu olhar.

Miro o alvo e sigo,
forte luz que não
deixa que eu perca
a direção.

Já cansado, sinto
ser agitado o meu
barco, mas já não
não importa, pois
miro o alvo, o farol.

Postagens mais visitadas